(21) 2502-5252

Rio de Janeiro: (21) 2502-5252  |

 Whatsapp: (21) 96458-0537

Uniprag em outros estados: 0800 704 1528

Redes Sociais:
  

Rio de Janeiro:

 Whatsapp:

Central de Atendimento:

Cães são vítimas de morcegos em Niterói

NITERÓI — O advogado e proprietário do sítio na Rua Mátio Joaquim Santana, em São Francisco, Adilson Vasconcellos, tentou em vão salvar a vida de King, um rottweiler de 2 anos que chegou a ficar internado durante uma semana numa clínica veterinária e saiu de lá sem diagnóstico preciso.

O vendedor de empadas, Alfredo, conseguiu desvendar a causa: o cão fora vítima de morcegos hematófagos, que também mataram sua cadela. Veterinários do Centro de Controle de Zoonozes (CCZ), confirmaram a suspeita logo após análises de fotografias e inspeções no sítio.

“Os veterinários que foram ao sítio informaram que a mata está infestada de morcegos hematófagos. Como ainda tenho um cão, eles me orientaram a iluminar bem o local. Além disso, instalei cinco sensores de ultrassom que somente os morcegos ouvem e por isso não se aproximam”, acrescenta Vasconcellos.

A médica Daniela Erthal encontrou sua cadela Beaty, uma Cocker spaniel de 12 anos, banhada a sangue. No diagnóstico veterinário constatou que ela havia sido atacada por morcegos hematófagos, que transmitem raiva. A cadela ainda está em observação.

(Foto Guilherme Leporace)

O CCZ informa que os morcegos são animais silvestres, protegidos por lei, e fazem parte do meio ambiente. Nos últimos meses, o órgão fez duas notificações de ataques de morcegos em cachorros em São Francisco, mas nenhuma em seres humanos. O órgão ainda acrescenta que presença dos morcegos significa um ambiente saudável, pois favorece o ciclo de vida de animais e plantas.

Fonte

Problemas com morcegos?

 

 

ALÉM DO RIO DE JANEIRO, VOCÊ ENCONTRA NOSSA QUALIDADE EM TODOS ESSES ESTADOS.

Ou envie-nos uma mensagem pelo formulário abaixo: